Parque Estadual dos 3 Picos – Nova Friburgo RJ

Parque Estadual dos 3 Picos – Nova Friburgo RJ

Por Nina Marques

Colaboração: Amantes da Montanha

E vamos de mais aventura… O ano mal começou e nossa equipe está a todo vapor nas trilhas e belezas naturais da região.

Desta vez nosso trekking foi na região dos Três Picos, em Nova Friburgo, região serrana do Rio de Janeiro. Lugar encantador e de natureza privilegiada.

Refugio da Canto da Pedra

O parque estadual dos 3 Picos fica localizado a 240km de JF e o acesso é feito pela serra de Teresópolis, seguindo depois a estrada para Nova Friburgo, com acesso ao Parque por estrada de chão (que não está em boas condições e com isso só passa carro 4 x 4).

Ficamos abrigados no Refúgio Canto da Pedra, onde fomos super bem recebidos pela lenda da escalada Alexandre Portela.
De lá, partimos em caminhada para o Parque (cerca de 5km). Ao longo da estrada a vista já ia mudando e nos surpreendendo com grandes vales em meio as montanhas.

 

Chegando no parque, fomos em direção ao Camping no Vale dos Deuses, local com infraestrutura de banheiros, chuveiro, pia e mesa. Ideal para a hora do almoço.

Camping Vale dos Deuses

Alimentados, seguimos em direção à Cabeça de Dragão. Trilha com aproximadamente 4km e altitude final de mais de 2.000m. Após 2h de caminhada, chegamos ao cume. Lugar imponente e encantador, mas devido a névoa baixa não foi possível avistar os vales. O tempo ainda colaborou e abriu “uma janela” de um dos lados, mas ficou um gostinho de quero mais para ver a beleza deste lugar.

 

Retornamos pela mesma trilha, mais uma parada estratégica na área de camping e seguimos novamente para o refúgio, fechando o dia com 16km de treeking e muita conversa boa.

À noite, rolou um rodízio de pizza “da casa” regado a música boa (ao vivo) e cerveja artesanal dos Três Picos! Quer energia melhor que essa em plena natureza?

Massssss, como nosso intuito era trilhas, bora dormir que o domingo começaria cedo.

Trilha para a Caixa de Fósforo

No segundo dia, seguimos um trecho de carro, mas ainda assim tivemos que caminhar cerca de 1,5km até a entrada do parque devido as más condições da estrada.

Entramos na trilha de acesso à travessia Salinas x Frades e de lá, seguimos sentido à Caixa de Fósforo.

A trilha é mais técnica e um pouco mais puxada, com 5,4km e altitude final de 1.800m, mas isso não foi problema para nosso grupo, que estava muito bem orientado pelos Guias Giovani Rento, Maiara e Diego (Amantes da Montanha).

 

Conquistado o cume, após uma sessão de fotos para que pudéssemos TENTAR explicar a energia e visual do local, retornamos ao refúgio com a certeza de mais um final de semana incrível ao lado de novos amigos e companheiros.

Caixa de Fósforo

 

 

 

 

Quer conhecer a região serrana com segurança e profissionalismo?

Guias Amantes da Montanha – Contato: (24) 9 8817 – 9571

 

Blog

Ibitipoca – MG

Ibitipoca, um pequeno vilarejo, onde o turismo vem crescendo e muito nos últimos anos devido a grandes eventos culturais, gastronômicos e esportivos, além das belezas naturais do seu Parque Estadual. Saiba mais…

acesse

Serra Fina

No início de Julho, nossa professora Nina Marques esteve na Serra Fina, um “pedaço” da Serra da Mantiqueira, por sua vez, uma das mais importantes cadeias de montanhas do Brasil. Saiba mais…

acesse

Desafio Rio do Alto – Abril 2018

O desafio Rio do Alto, consta em uma programação completa para a alta temporada de montanhismo 2018.
A proposta é atingir os 10 maiores picos do Rio de Janeiro, dividido em 5 fases. Saiba mais…

acesse